Bem Vindos ao forum português da banda japonesa the GazettE e do artista também japonês Miyavi! Registem-se e divirtam-se^^
 
InícioInício  PortalPortal  CalendárioCalendário  FAQFAQ  BuscarBuscar  MembrosMembros  GruposGrupos  Registrar-seRegistrar-se  Conectar-seConectar-se  

Compartilhe | 
 

 Everything always changes.

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2
AutorMensagem
PonPon
Novo Membro
Novo Membro
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 70
Idade : 21
Localização : na cama do Aoi
Hobbies : Ouvir música, tocar baixo, ler, escrever, desenhar, conversar, estudar e ver anime.
The Gazette favorito : Shiroyama Yuu
Data de inscrição : 15/04/2011

MensagemAssunto: Re: Everything always changes.   Ter Maio 03, 2011 2:35 am

Continuando e aproveitando para lembrar que o próximo será o último capítulo =D

-----------------------

Capítulo 8 - Tem cara de santo, mas é um safado!



Depois de alguns minutos de estrada eu cheguei em casa. Desliguei o carro, nós tiramos o cinto de segurança e saímos do mesmo. Eu fui em direção a porta da casa e Takanori me acompanhou. Eu abri a porta e nós entramos por ela e eu a fechei.
- Fique a vontade e perdoe a bagunça! - ditei, após fui até a cozinha deixando o garoto olhar o local.
A casa no estava tão bagunçada por que Kouyou havia limpado tudo pela manhã. E não tinha motivo para a casa estar suja pois era o lugar no qual eu passava menos tempo.
Ele olhou tudo em volta maravilhado. Olhava atentamente para a arquitetura refinada e rústica da sala e do restante da casa.
- Sua é casa linda!
- Obrigado... Eu herdei da minha mãe.
- Hmm..
- Esta com fome?
- Um pouco...
Eu olhei na geladeira e só encontrei um resto de sushi da janta passada. Tinha bastante até mas detestava servir restos. Já que era a única coisa que tinha em casa e eu não sabia cozinhar, eu não tive outra escolha.
- Eu só tenho um pouco de sushi... Pode ser?
- Eu adoro sushi! Obrigado.
- Ah, que bom...
Coloquei o sushi na mesa.
- Vamos comer então!?
- Vamos.
Ele veio até a cozinha e sentou-se a mesa comigo. Nos servimos e começamos a comer. Esperei ele comer um pouco para ver se ele havia gostado. Após comer um pouco ele fechou os olhos, saboreou devagar e me olhou sorrindo:
- Esta muito bom!
Eu comi um pouco e estava bom mesmo. Eu retribui o sorriso após engolir o restante do alimento que sobrara na minha boca.
- Esta bom mesmo, pensei que estivesse ruim...
Ele sorriu e ambos voltamos a comer. Após alguns minutos nós acabamos de comer e ainda havia sobrado. Guardei o restante na geladeira e coloquei a louça na pia.
- Posso tomar um banho Akira?
- Claro. Vem, eu te mostro onde fica o banheiro.
Ele levantou e nós subimos até o banheiro.
- Obrigado!
- Não por isso... Vou se acho algo para vestir para lhe emprestar.
Ele entrou no banheiro com um leve sorriso e fechou a porta. Eu olhei para os lados, pensei um pouco e me agachei em frente a porta após ouvir o barulho do trinque. Olhei pela fechadura da porta e pude vê-lo tirando a blusa.
Em seguida ele tirou o cinto, desabotuou a calça e abriu o zíper. Assim que ele soltou a calça, ela deslizou pelas pernas até encontrar o chão. Ele foi até o espelho e tirou as correntes que usava, foi até o box, mas não entrou nele e ligou o chuveiro no quente.
Eu fazia um grande esforço para vê-lo, adimirava aquele belo corpo e imaginava-o sem a boxer, aquela última peça que me empedia de ter a melhor visão do mundo.
Enquanto eu estava ali, agachado em frente a porta, vi ele mexer no elástico da boxer... O simples movimento dele me deixou excitado. Senti minha calça ficar apertada e meu membro pulsar.
Eu continuei olhando pela fechadura, quando o garoto finalmente tirou a boxer eu fiquei extasiado ao vê-lo completamente nú. Era como se estivesse me hipnotizando pois no conseguia me mover. Despertei do transe só depois de ver aquele corpo perfeito entrando no box e fechando o mesmo.
Então sentei no chão e percebi que suava muito e senti algo molhado no meio das minhas pernas. Fui até meu quarto, troquei de roupa, coloquei a roupa que eu usava antes para lavar e fui procurar algo para emprestar para Takanori. Quase tudo que eu pegava parecia no servir. Peguei então, uma camisa, um short que na verdade era do Kouyou e uma boxer que ficava pequena em mim. Eu fui então para o quarto ao lado onde Takanori dormiria e arrumei a cama.
Assim que o garoto saiu do banheiro, foi em direção ao corredor dos quartos:
- Akira!? - chamou ele.
- Estou aqui no quarto!
Ele seguiu a minha voz e foi at o quarto onde eu estava, com uma toalha amarrada na cintura. Entreguei a roupa que eu havia visto a ele:
- Veja se serve!
Ele colocou a boxer por debaixo da toalha, colocou a camisa e a aboutou. Em seguida, tirou a toalha e vestiu o short.
- E ento...? - perguntei.
- Ficou ótimo, obrigado...
- No agradeça, arrumei sua cama e se quiser mais coberta tem ali no armário, só pegar.
Ele olhou para cama arruma e depois pra mim:
- Você é um amor!
- Obrigado. Se precisar de algo estou no quarto ao lado.
- Tá bom, boa noite.
- Boa noite.
Eu fui para o meu quarto, tirei a camisa e deitei na cama.
Cada vez que eu fechava os olhos, eu via aquela bela silhueta parada em frente ao box do banheiro e imaginava o meu corpo junto ao dele... Sentindo a textura daquela pele desfrutando do que aquele corpo tinha de melhor. Por volta daqueles pensamentos eu lembrava que o garoto estava ali, na minha casa. No quarto ao lado, para ser mais exato, ao alcance de minhas mãos. Eu queria poder entrar naquele quarto e mostrar a ele um prazer que jamais sentira antes... O prazer que dois corpos juntos podem proporcionar.
Mas eu sabia que tinha que deixá-lo no controle se quisesse conquistá-lo. Por enquanto ficaria só em pensamentos, então virei para o lado e adormeci.
-----------------------------------------
Após algumas horas de sono, eu abri os olhos e senti um corpo perto do meu e uma mão alisando meu membro por cima da calça. Por um instante eu me assustei, mas a carícia feita por aquela mão era tão boa que me fazia relaxar.
Senti os lábios tocando minhas costas, distribuindo beijos e lambidas na mesma, me deixando arrepiado. Então virei, ficando de frente para o garoto:
- Takanori?
Ele não respondeu, apenas me puxou pela cintura e me beijou. Dentro daquele beijo senti a pequena mão deslizando até o meu bum bum e o apertando de leve. Peguei então na coxa dele e a ergui até a altura da minha cintura.
Ele segurou meu queixo enquanto continuávamos nos beijando, após desceu os lábios até o meu pescoço e o lambeu. Após soltei a perna dele e ele a colocou entre as minhas, pressionando meu membro com a coxa. Tirei a blusa dele e retomamos o beijo. Este foi um beijo mais curto que ao fim do mesmo, desci os lábios até o pescoço dele e o lambi.
- Você é tão gostoso! - ditou ele ofegante.
Ouvir aquelas palavras vindas dele, me fizeram enlouquecer.
- Você é uma delícia...
As palavras saíram carregadas de desejo da minha boca. Ele colocou a mão por dentro da minha calça e pegou em meu membro, pois eu não usava nada além da calça.
- Hm... Parece que alguém não gosta de usar roupas intimas para dormir... - ditou ele após mordeu o lábio inferior.
Eu ri maliciosamente ao sentir a mão dele descer mais um pouco e apalpar meus testículos.
- Sabe, antes de vir aqui lhe fazer essa visitinha, eu tirei a minha também... - continuou ele.
- Sério?
- Aham... E o short também!
Eu olhei imediatemente em direção ao quadril do garoto, mas a blusa ficavam tão grande que parecia mais um vestido do que uma blusa, me impedindo de ver o que a mesma cobria. Então eu o deitei na cama e subi em cima dele.
- Por que você resolveu me fazer essa 'visitinha'?
Ele sorriu, selou meus lábios e após me deitou na cama subindo então, em cima de mim:
- Antes de ir dormir você disse: " se precisar de algo, eu estou no quarto ao lado", não disse?
- Disse...
- Então, eu acordei agora pouco muito carente... de carinho! Aí eu pensei "ele não vai me negar um pouco de carinho...", ou vai?
Eu olhei para o garoto que me fitava com cara de pidão e sorri:
- Eu não nego esse tipo de coisa pra ninguém!
Deslizei minha mão até o bum bum dele e o apertei comprovando que o mesmo não usava nada por baixo como dissera.

{CONTINUA... -q}
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.popcornpon.tumblr.com
LaLa
Administradora
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 2360
Idade : 23
Localização : Cabaré
Hobbies : ouvir musica, desenhar e tirar ADN as bananas
The Gazette favorito : Reita e Ruki
Data de inscrição : 26/01/2009

MensagemAssunto: Re: Everything always changes.   Ter Maio 03, 2011 9:01 pm

Com que então ele não nega carinho a ninguém ... ONDE É QUE FICA A FILA DOS CARINHOS DO REITA ??
Ahahhaha Takanori perverso , ai como ele é fino
Ele tinha era frio e como não queria era sujar um cobertor , pediu ao Rei-rei para o aquecer .
Huuu vai rebolar
Será que ele também é toco de amarrar bode lá em baixo ?? *okey passando à frente , ninguem liga*
Buuahhh quero ver o Uruha quando souber
Já o penultimo . Sad

Posta rápido Pon-Pon

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://antic-cafe.forumeiros.com/
Harada'Otaku-chan
Membro
Membro
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 799
Idade : 22
Localização : JAPAN
Hobbies : MANGA; ANIME; TATTOO; MUSICA; DESENHO
The Gazette favorito : The Gazette , é The Gazette |m|
Data de inscrição : 14/07/2010

MensagemAssunto: Re: Everything always changes.   Qua Maio 04, 2011 10:38 pm

Lala-cha , o Uru-kun ja vai longe filha , esse ja deve ter tido duplo orgasmo fornecido pelo pedaço do Aoi-san , e enfim ...
PonPon , estou a adoraaar , pena que ja vai acabar mesmo , ha sim , eu dou uma aulinha de samba pra voce sim cara Very Happy
haha
CONTINUA !
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
PonPon
Novo Membro
Novo Membro
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 70
Idade : 21
Localização : na cama do Aoi
Hobbies : Ouvir música, tocar baixo, ler, escrever, desenhar, conversar, estudar e ver anime.
The Gazette favorito : Shiroyama Yuu
Data de inscrição : 15/04/2011

MensagemAssunto: Re: Everything always changes.   Sab Maio 07, 2011 5:31 am

Lala escreveu:

Com que então ele não nega carinho a ninguém ... ONDE É QUE FICA A FILA DOS CARINHOS DO REITA ??
Ahahhaha Takanori perverso , ai como ele é fino
Ele tinha era frio e como não queria era sujar um cobertor , pediu ao Rei-rei para o aquecer .
Huuu vai rebolar
Será que ele também é toco de amarrar bode lá em baixo ?? *okey passando à frente , ninguem liga*
Buuahhh quero ver o Uruha quando souber
Já o penultimo . Sad

Posta rápido Pon-Pon


oopa, sei não hein Lala-Chan, dizem que lá em baixo Ruki esconde um GRANDE tesouro! HOHO Twisted Evil

Nhack, tente não desgostar da PonPon após ler o último capítulo ok? Sad
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.popcornpon.tumblr.com
PonPon
Novo Membro
Novo Membro
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 70
Idade : 21
Localização : na cama do Aoi
Hobbies : Ouvir música, tocar baixo, ler, escrever, desenhar, conversar, estudar e ver anime.
The Gazette favorito : Shiroyama Yuu
Data de inscrição : 15/04/2011

MensagemAssunto: Re: Everything always changes.   Sab Maio 07, 2011 5:37 am

Harada'Otaku-chan escreveu:


Lala-cha , o Uru-kun ja vai longe filha , esse ja deve ter tido duplo orgasmo fornecido pelo pedaço do Aoi-san , e enfim ...
PonPon , estou a adoraaar , pena que ja vai acabar mesmo , ha sim , eu dou uma aulinha de samba pra voce sim cara Very Happy
haha
CONTINUA !

A PonPon quer mesmo umas aulinhas hein! rsrsrs Razz
enquanto a fic...
bom, vamos ao final, não me desgoste também Harada-Chan! Sad
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.popcornpon.tumblr.com
PonPon
Novo Membro
Novo Membro
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 70
Idade : 21
Localização : na cama do Aoi
Hobbies : Ouvir música, tocar baixo, ler, escrever, desenhar, conversar, estudar e ver anime.
The Gazette favorito : Shiroyama Yuu
Data de inscrição : 15/04/2011

MensagemAssunto: Re: Everything always changes.   Sab Maio 07, 2011 5:39 am

último capítulo!


Capítulo 9 - A morte de um inocente




Ele permanecia em cima de mim, me beijando e ia descendo cada vez mais. Descia beijando meu pescoço em seguida o peito liso, enroscando a língua em um dos mamílos sugando-o com um pouco de força, doía mas era tão prazeroso que eu nem me importava. Descia mais pela barriga até o cós da calça, em seguida a tirou.
Após subiu pelo meu corpo, lambendo o peitoral, procurando minha boca sedento por um beijo. Após encontrá-la, me beijou enquanto tirava a faixa que cobria meu nariz. Depois parou e me fitou.
Eu tentei puxá-lo e retomar o beijo, mas ele balançou a cabeça negativamente. Começou então a desabotuar a camisa vagarosamente. Após desabotuar a camisa completamente, ele levantou e pegou minha calça do chão. Segurou uma perna com cada mão e me olhou sorrindo:
- Eu quero brincar!
Eu ri maliciosamente e ele também. Então segurando com força a calça pelas pernas, puxou-as até que as mesma se rasgassem no meio. Após veio até mim e amarrou meus braços á cabeceira da cama com um nó cego bem apertado.
- Você vai conseguir desamarrar isso depois?
- Claro, relaxa, não se preocupa!
Ele rasgou então a camisa que usava e amarrou os meus pés com o mesmo tipo de nó também, bem apertado.
- Tá um pouco... a-apertado! - reclamei.
- Daqui a pouco você acostuma!
Ele sorriu, após veio até mim e deu um selinho.
- Agora vem cá, vem! - chamei em um tom sedutor, mas ele sorriu de modo meigo dando alguns passos pra trás.
- Acho que não...
Ele se afastou e foi só então que percebi a silhueta para na porta, segurando uma mala e algumas roupas.
- O que...? - tentei questionar, mas fui ignorado.
Ele foi até a pessoa parada a porta, pegou uma boxer, uma calça jeans justa, uma regata preta e uma jaqueta de couro. Vestiu a roupa rapidamente e após colocou uma meia e um cuturno. Voltou-se então, para o moreno parado a porta, agora visível, sorrindo:
- Pode trazê-lo, Yuu!
O moreno largou todas aquelas coisas em um canto e saiu.
- Trazer quem? O que esta acontecendo? Não estou entendendo nada!
- Vejamos, quando ele trazer você saberá.. Ele está aqui por que é o meu método de fuga mais seguro e Akira, você foi mais um idiota que caiu no meu golpe! Viu no que dá subestimar as pessoas que aparentemente não tem maldade? Viu no que dá sair comendo jovens em troca da realização dos sonhos dos mesmo tirando toda a dignidades deles?
- Que golpe? Do que você está falando? Você é louco!
- Eu tenho três pessoas na minha família que tentaram ganhar a vida como modelos e vieram humildemente a sua agência de merda para ouvir da sua maldita boca que se elas quisessem ser alguém na vida elas teriam que dar pra você! Depois de saber de tudo que eles sofreram nas suas malditas garras, o quando você os abusou, o quanto você os explorou... Estudei você e percebi que além de um desgraçado você também é um egoísta, que só pensa em si mesmo e no seu carro idiota! Pois bem, daqui a pouco eu vou estar saindo daqui levando o seu querido carro e tudo mais que eu achar que vale uma boa quantia...
- Você não vai fazer nada disso! Não vai sair impune, vão saber que foi você!
- Ah é? E como vão saber?
- Eu vou contar! E se fizer algo comigo, os políciais vão saber pois você foi o último a vir aqui... Os vizinhos estão de prova!
- Que não seja por isso...
O moreno apareceu novamente na porta desta vez arrastando algo. Quando ele se aproximou e a luz da lua o iluminou, eu pude indentificar o que ele arrastava... Era Kouyou e ele se encontrava desacordado.
- O que... O que vocês fizeram com ele seus loucos maníacos!
- Deixe-me contar uma história perfeita e convincente: "Era uma vez um garoto chamado Kouyou, que não escondia de ninguém a paixão pelo belo chefe, Akira e deixava bem claro que faria qualquer coisa para tê-lo. Já o chefe, o iludía, transava com ele e o enchia de esperança... Até que um dia Kouyou foi a casa do chefe para declarar o seu amor pelo mesmo, mas o chefe por ser muito pau no cú, disse que não gostava dele. Aí Kouyou ficou com muita raiva e bateu nele, até deixá-lo inconciente, o despiu e amarrou na cama. Enquanto ele mexia nas gavetas achou uma arma e então matou o chefe com um tiro no coração. Colocou fogo na casa começando pela parte de baixo e subiu para o quarto juntando-se ao amado. E antes que o fogo chegasse a ambos, ele se matou!" Triste não é?
Ao ouví-lo não tive dúvidas de que Kouyou e eu morreríamos. Talvez eu merecesse morrer, mas o pobre Kou-Chan, não. Com esse tipo de pensamento rodando a minha cabeça, não pude conter as lágrimas.
- Por favor, faça o que quiser comigo, mas deixa o Kouyou fora dessa! Ele não tem nada a ver com isso.
O menor aproximou-se e me acertou um soco no rosto.
- Cala a boca! Yuu, você pegou o negócio?
Yuu usava luvas de silicone e observando bem, notei que Takanori também usava. O moreno entregou minha arma ao menor, deitou Kouyou ao meu lado e voltou para o lado de Takanori.
- Muito bem... - o menor apontou a arma para mim - ... quais são suas últimas palavras?
- Vai pro inferno!
Takanori sorriu e ao ver aquele sorri senti que ia morrer naquele exato instante. Mas ele mudou a direção da arma, voltando a mesma para Kouyou e apertou o gatilho sem dó. O impacto do tiro foi tão grande que fez com que o corpo do garoto caísse no chão sem vida. Eu estava coberto pelo sangue de Kouyou e com muito medo.
Yuu parecia um pouco assustado mas não dizia nada. Ele foi até o corpo de Kouyou, o pegou no colo, o deitou novamente em meu lado, colocando a cabeça dele sobre o meu peito.
Quando eu criei coragem e olhei novamente para Takanori, ele estava com a arma novamente apontada pra mim.
- Viu? Ele não merecia morrer... Ele morreu por sua culpa. Mas agora é a sua fez!
Após ouvi-lo, fechei meus olhos antes de sentir a bala de prata rasgando minha pelo quase flamejante. Quando abri meus olhos, senti os mesmos pesados e minha visão ficando embaçada e a última coisa que eu vi foi Yuu largando a arma na mão te Kouyou e saíndo do quarto com as malas.
Após alguns minutos senti um cheiro de gasolinae um cheiro de queimado. Foi então que eu fiz o último esforça em vão para manter a respiração. Fechei meus olhos e adormeci eternamente.

{fim Sad }
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.popcornpon.tumblr.com
LaLa
Administradora
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 2360
Idade : 23
Localização : Cabaré
Hobbies : ouvir musica, desenhar e tirar ADN as bananas
The Gazette favorito : Reita e Ruki
Data de inscrição : 26/01/2009

MensagemAssunto: Re: Everything always changes.   Dom Maio 08, 2011 7:05 pm

Ficou quentinho o Reita xD , mas não foi com o Ruki
Elllá bruta volta que isto deu
Vingou-se o toco de amarrar bode
Que ruim
Ahhh eu amei esta história , quando li o titulo do capitulo pensei "pronto claudia maria vai buscar lenços de papel" , mas afinal não foi preciso
Amei o final PonPon
Continua a escrever sim ^^

_________________
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://antic-cafe.forumeiros.com/
Harada'Otaku-chan
Membro
Membro
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 799
Idade : 22
Localização : JAPAN
Hobbies : MANGA; ANIME; TATTOO; MUSICA; DESENHO
The Gazette favorito : The Gazette , é The Gazette |m|
Data de inscrição : 14/07/2010

MensagemAssunto: Re: Everything always changes.   Dom Maio 08, 2011 8:09 pm

Surpreendente foda-se , amei PonPon-chan ! Esta muito boa mesmo , nao esperava por um final desses caramba , mesmo do jeitinho que eu gosto ;D
Agora vamos as aulinhas de samba hahaha Very Happy
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
PonPon
Novo Membro
Novo Membro
avatar

Feminino
Número de Mensagens : 70
Idade : 21
Localização : na cama do Aoi
Hobbies : Ouvir música, tocar baixo, ler, escrever, desenhar, conversar, estudar e ver anime.
The Gazette favorito : Shiroyama Yuu
Data de inscrição : 15/04/2011

MensagemAssunto: Re: Everything always changes.   Dom Maio 08, 2011 8:35 pm

AHH moças, a PonPon só tem a agradecer *-*
fico realmente feliz em saber que gostaram da história! Razz
Brevemente estarei postando mais uma! Very Happy

e, Harada-Chan, estou esperando as aulas mesmo hn Wink
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.popcornpon.tumblr.com
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Everything always changes.   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Everything always changes.
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 2 de 2Ir à página : Anterior  1, 2

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Forum Português dos the GazettE e Miyavi :: FanFics acabadas.-
Ir para: